domingo, 31 de janeiro de 2010

MARIDO TRAIDO (CORNO) MATA PÉ DE PANO COM 4 FACADAS EM VÁRGEA GRANDE




Um homem encontrou a esposa sentada no colo do “Ricardão” e as cenas de traição de um crime passional acabaram em tragédia. A vítima, Douglas Alves de Souza, de 30 anos, levou pelo menos quatro facadas e morreu na hora.

O crime, segundo investigadores da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), chefiados pelo delegado André Renato Gonçalves aconteceu por volta das 5 horas da madrugada desde domingo(31).

A vítima, segundo ainda a Polícia, caiu morta em frente à casa de nº 23 da Rua 18 do bairro São Matheus, em Várzea Grande (Grande Cuiabá).

Nas investigações, no entanto, policiais da DHPP chegaram até o autor das facadas, identificado como José Moreira Silva de Souza, de 31 anos, autuado em flagrante em crime de homicídio qualificado pelo delegado André.

PASSIONAL.

Para a Polícia, o motivo do crime foi passional. José Moreira, segundo as investigações da DHPP, encontrou a esposa - nome não fornecido -, sentada no colo de Douglas.

Os dois discutiram, quando a mulher, pivô da violência, falou: “Vai pegar o ferro, Douglas” – era para Douglas pegar o revólver. Ao sair para pegar o revólver conforme a “amante” havia ordenado, no entanto, José Moreira foi mais rápido e o alcançou no meio do caminho.

Foram, pelo menos quatro facadas, que mataram Douglas, que caiu no meio da rua. O assassino será transferido daqui a pouco para a Cadeia Pública de Várzea Grande. Caso seja condenado, José Moreira podfe pegar de 12 a 30 anos de reclusão. (JRT).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário